A pedagogia e suas vertentes

“É um equívoco pensar que com mais verbas a educação ficará melhor, que os alunos aprenderão mais, que os professores ficarão mais felizes. Como é um equívoco pensar que com panelas novas e cara, o mau cozinheiro fará comida boa. Educação não se faz com dinheiro. Educação se faz com inteligência (e amor).

Rubens Alves

 

A Pedagogia é uma ciência que tem como um dos seus objetivos trabalhar em ação coletiva, considerando diferentes dimensões da sociedade, para promover a construção da identidade dos envolvidos no processo ensino e aprendizagem.

Ela procura incentivar e melhorar a educação agindo como um facilitador nesse processo.

No curso de Pedagogia há uma necessidade importante em ter reflexão crítica sobre os conteúdos apresentados para perceber se eles realmente auxiliarão na prática pedagógica e na transformação dos envolvidos no contexto social, econômico e cultural.

É neste contexto que a Pedagogia se apresenta como “um campo de conhecimentos que investiga a natureza das finalidades da educação numa determinada sociedade” (LIBÂNEO, 2005, p.24), e assim estando atrelada com a formação dos indivíduos e suas intenções, visando prepará-los para a vida social e assim cumprir seu papel para a melhoria da educação em sociedade.

Neste sentido, a Pedagogia é concebida como um campo do conhecimento que se ocupa do estudo da educação, do ato educativo, da prática educativa, como parte da atividade humana, e diz respeito a uma reflexão sistemática sobre o fenômeno educativo (LIBÂNEO, 2005), que permeia toda a prática docente do profissional da educação.

Essa prática reflete a alegria em participar, colaborar e ensinar considerando antes de uma relação profissional, a relação humana dos envolvidos.

 AS VÁRIAS VERTENTES DA PEDAGOGIA

A prática educativa encontra-se em diversos seguimentos sociais. Logo, a Pedagogia encontra-se inserida em todos, como uma forma de intervenção na sociedade, o que propicia algumas vertentes que podem ser escolhidas enquanto ainda estamos cursando Pedagogia e o estágio oportuniza a uma escolha dessas vertentes quando participamos do contexto escolar e sala de aula dos segmentos Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II, Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Especial, Ensino Superior.

Todas essas vertentes amplia o leque de profissão e ainda, permite que atuemos em hospitais, prédios públicos (elaboração de projetos educacionais), museus, teatros e outros.

PEDAGOGIA EM AMBIENTE ESCOLAR:

O pedagogo pode atuar como:

  • Professor de Educação Infantil:   atua nos infantis I, II e III.
  • Professor do Ensino Fundamental I:   atua nas turmas de primeiro ao quinto ano.
  • Professor do Ensino Fundamental II:   atua nas turmas de sexto ao nono ano.
  • Professor de Educação Especial: trabalha com alunos com necessidades educativas específicas.
  • Professor de Ensino Médio:   Atua do primeiro ao terceiro ano do ensino médio.
  • Professor de ensino superior:  trabalha como docente Universitário (neste caso necessita de, no mínimo, Título de Mestre).
  • Coordenador Pedagógico:   é responsável por tudo que diz respeito à formação do aluno, e gerencia a formação continuada a professores.
  • Orientador Educacional:   trabalha diretamente com os alunos.
  • Supervisor Educacional: trabalha diretamente com o professor, acompanhando-o também no cumprimento do calendário escolar.
  • Gestor: responsável administrativo da Escola, responde juridicamente por ela.
  • Inspetor: O aluno é de sua responsabilidade, do portão de entrada até a sala de aula.

PEDAGOGIA EM AMBIENTE NÃO ESCOLAR

  • Empresas: A atuação do pedagogo dentro da empresa visa sempre a melhorar a qualidade da prestação de serviços.
  • Hospitais: oferece assessoria, atendimento emocional e humanístico tanto para o paciente quanto para a família.
  • Assistência Social: O pedagogo desempenha a “Pedagogia Social”, que segundo Paulo Freire… “A Educação Social transformadora baseia-se na formação para a análise da ideologia como o pilar maior da conscientização” (FREIRE, 2003).
  • Bibliotecas: Pedagogia Social.
  • Movimentos Sociais:   atua como assessor pedagógico.
  • Igrejas: Pedagogia Social.
  • Presídios: Pela legislação vigente (Lei de Execução Penal nº 7.210/1984, art. 75, I), somente pode exercer cargo de direção nessas instâncias profissionais que estudem (ou tenham estudado) direitos humanos, educação e ciências sociais; conforme diz o inciso primeiro do Art. 75.

Da Direção e do Pessoal dos Estabelecimentos Penais

Art. 75. O ocupante do cargo de diretor de estabelecimento deverá satisfazer os seguintes requisitos:

I – Ser portador de diploma de nível superior de Direito, ou Psicologia, ou Ciências Sociais, ou Pedagogia, ou Serviços Sociais;

  • Orfanatos:  Pedagogia Social.
  • Associações: Pedagogia Social.
  • ONGs: atua em duas vertentes: na área educacional e na área da saúde.

O pedagogo, que segundo Libâneo, “é um profissional que lida com fatos, estruturas, contextos, situações referentes à prática educativa em suas várias modalidades e manifestações’’ (LIBÂNEO, 1996) pode atuar em todas as áreas que requerem um trabalho educativo, em qualquer ambiente, seja ele escolar ou não.

 

FONTE: Daniele Meireles Adami Lopes
Compartilhe

5 pensamentos em “A pedagogia e suas vertentes”

  1. Que magnifico estudo pedagogia e ainda nao tinha ouvido tudo sobre a pratica, achei bem completo e nos ajudar a pensar oque de fato queremos pro futuro obrigado e parabéns

  2. O texto contém varias informações importantes para o nosso meio,algo de grande validancia.Parabens a quem escreveu o texto ficou bastante explicativo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *